Let everything happen to you: beauty and terror.
Just keep going. No feeling is final.
― Rainer Maria Rilke, The Book of Hours  (via petrichour)

parcimoniarei:

Você sabe sorrir?

Por Deus, sabe o que isso significa?

Sua boca está manchada de sangue

Porque a vida não tem sido fácil nas ruas

Mesmo que seja tão jovem

Ela não tem precedentes

Nem amor, nem ódio, ou coisa qualquer que justifique

Sua pele está suja das ruas

E a minha de suor, de angústia

O fato de o mar estar calmo na superfície não significa que algo não esteja acontecendo nas profundezas.

O Mundo de Sofia.  (via parcimoniarei)
As pessoas vão se agarrando às cegas a tudo que existe: comunismo, comida natural, zen, surf, balé, hipnotismo, encontros grupais, orgias, ciclismo, ervas, catolicismo, halterofilismo, viagens, retiros, vegetarianismo, Índia, pintura, literatura, escultura, música, carros, mochila, ioga, cópula, jogo, bebida, andar por aí, iogurte congelado, Beethoven, Bach, Buda, Cristo, heroína, suco de cenoura, suicídio, roupas feiras à mão, voos a jato, Nova York, e aí tudo se evapora, se rompe em pedaços. As pessoas têm de achar o que fazer enquanto esperam a morte.
Charles Bukowski.   (via oxigenio-dapalavra)